Seminário internacional Abordagem Pikler. Inscrições abertas

Palavras-chave:

16 de abril de 2019

Há apenas três anos o Brasil aprovava a primeira lei concebida integralmente para a proteção da pessoa no início da vida – bebês e crianças até seis anos de idade, cidadãos com direitos garantidos pelo Marco Legal da Primeira Infância (Lei 13.257, de 8/3/2016). O instrumento assegura que meninos e meninas possam brincar, ser atendidos por profissionais qualificados e estabelece, entre outras coisas, a divisão igualitária de direitos e responsabilidades entre mães, pais e responsáveis. Inserido nesse público, as crianças de 0 a 3 anos, a primeiríssima infância, que tem sido foco de estudos e formações da Avante – Educação e Mobilização Social há dez anos. Esse ano, a instituição dá mais um passo para o compartilhamento dos conhecimentos construídos ao logo do tempo – traz a Salvador, em parceria com a Entrelaços da Infância e com o apoio da Rede Pikler Brasil, a Dra Isabelle Deligne, pediatra e experiente formadora da Associação Pikler Lóczy França.

INSCRIÇÃO abertahttps://bit.ly/2WLSrPj (vagas limitadas)

O diálogo com a formadora acontecerá no dia 03 de maio, na Associação Baiana de Medicina, em Ondina, voltado para famílias, profissionais da saúde, da educação, da assistência social, e da primeira infância, que se interessem pelas temática que envolvem as crianças nesse período da vida. O evento acontece em dois períodos – pela manhã a especialista abordará Vínculo e saúde integral do bebê e à tarde, com um olhar mais voltado para os profissionais que atuam na formação de pessoas que atendem aos bebês – Inspirações da abordagem na formação. A tradução do evento será feita pela membro fundadora da Rede Pikler Brasil e vice-presidente da Associação Pikler Brasil, Rita De Moraes Valdanini.

(Investimento: 01 período – R$ 170,00 / 02 períodos R$ 250,00 / Informações complementares abaixo)

Abordagem Pikler

Compreender a criança até três anos como sujeito do seu desenvolvimento é o cerne da Abordagem Pikler. Sob uma perspectiva mais autônoma dos bebês, os princípios da abordagem, que leva em consideração as características desse momento tão peculiar da vida humana, têm sido elementos importantes na construção das metodologias de formação de educadores da Educação Infantil da instituição desde 2010.

“É preciso muita ‘atenção com a atenção’ à criança de 0 a 3 anos. O bebê tem um enorme trabalho, que é muito solitário, de descobrir o mundo. A função do adulto é mostrar e proporcionar para esse bebê as muitas possibilidades, e não sabotar seu crescimento”, explica Maria Lúcia Peçanha, especialista no segmento creche, membro fundadora da Rede Pikler Brasil e vice-presidente da Associação Pikler Brasil. Para ela, que liderou um diálogo sobre a temática, promovido pela Avante em 2013, “quando você lida com uma criança com a compreensão de que ela é um ser competente, você fica muito mais observando, do que fazendo. E estou falando de crianças pequenas. Por exemplo, numa creche, o mais comum é ver adultos de mãos dadas com as crianças pequenas, mostrando que não acreditam que eles tenham capacidade de caminhar sozinhos por um espaço que eles já conhecem tão bem”, disse.

A fala da especialista está alinhada com as ideias de Emmi Pikler, pediatra húngara que desenvolveu a Abordagem, fundou (1946) e dirigiu o Instituto Lóczy – uma instituição de acolhimento de crianças órfãs de Budapeste, Hungria. Pikler defendia que, quando a criança que consegue algo por sua própria iniciativa e por seus próprios meios adquire uma classe de conhecimentos superior àquela que recebe a solução pronta, o que não significa abandono, pois a troca de olhares, um comentário verbal, uma ajuda em caso de necessidade, o compartilhamento da alegria, indica ao bebê que ele é uma pessoa importante e querida.

Dentre os princípios que norteiam a Abordagem e serão tema da conversa com a Drª Isabelle Deligne estão: a valorização do vínculo entre cuidador (e/ou mãe) e o bebê; o reconhecimento e o respeito à individualidade dos bebês; a promoção da autonomia através da liberdade de movimentos, do brincar livre; o respeito ao tempo e espaço necessário ao desenvolvimento sadio; e a formação contínua dos cuidadores / educadores.

Avante 10 anos de formação na Abordagem

Maria Lúcia Peçanha teve seu primeiro contato com a Avante durante o Seminário Internacional Educando Crianças de 0 a 3 Anos: A Experiência de Lóczy, promovido em 2010 pela instituição que, numa iniciativa pioneira, trouxe Sônia Kliass, sócia fundadora Associação Pikler – Hengstenbert, da Cataluña, para Salvador. “Conheci a Avante por um desses acasos, interessada em me aprofundar nas ideias de Emmi Pikler. Saio eu, com a diretora da creche comunitária que fundei em Niterói [RJ], para um mergulho profundo e calmo com uma estudiosa vinda da Cataluña. Mas o que senti, desde o primeiro instante, foi a enorme sustentação e certeza da equipe que promovia o curso: a Avante”, disse.

O primeiro fruto da parceria estabelecida entre a Avante e Maria Lúcia foi o encontro de aprendizagem e vivência dos princípios da Abordagem Pikler, organizado pela instituição e intitulado Diálogo sobre Pikler (2013). Lúcia compartilhou conhecimento com mais de 50 profissionais da educação entre pedagogas, psicólogas, professoras e estudantes universitárias. No evento, foi divulgado o VI Trocando em Miúdos Intercâmbio Internacional (2014), também promovido pela instituição com o objetivo de proporcionar uma imersão de educadores brasileiros nas rotinas da Associação Pikler-Lóczy, em Paris e na Associação de Mestre Rosa Sensat, em Barcelona. Ambas, reconhecidas internacionalmente pelo emprego de abordagens calcadas na autonomia e no desenvolvimento da criança até três anos, além da importância histórica do trabalho desenvolvido em períodos ditatoriais em seus respectivos países.

Maria Lúcia também participou da construção de uma política pública com crianças da Rede Municipal de Salvador, com a elaboração dos referenciais curriculares à luz das ideias de Emmi Pikler, por meio do Programa Nossa Rede (Educação Infantil), da Secretaria Municipal de Salvador, realizado em parceria técnica com a Avante.

Em 2015 a instituição tornou-se membro da Rede Pikler Brasil, que no dia 29 de abril desse ano promove no Rio de Janeiro um encontro com a Drª Isabelle Deligne, intitulado: “Entrelaços entre o tempo de desfralde e a Abordagem Pikler”.  Do Rio a pediatra segue para Salvador para o Seminário Internacional Abordagem Pikler.  

Entre os dias 11 e 19 outubro a Avante promove um novo IX Trocando em Miúdos – Intercâmbio Internacional de 0 a 3, na Abordagem Pikleriana em Budapeste e Berlim. A iniciativa da instituição de colaborar com a qualificação nos cuidados com as crianças de 0 a 3 anos culmina com o II Seminário Internacional Educando Crianças de 0 a 3 Anos: Abordagem Pikler, que acontece 10 anos após a primeiro, em 2020.

SERVIÇO:

O que? Seminário Internacional Abordagem Pikler

  • MANHÃ: Vínculo e saúde integral do bebê (8h a 12h)
  • TARDE: Inspirações da abordagem na formação (16h a 20H0

Quando e onde?

  • 03 de maio, na Associação Baiana de Medicina, em Ondina (Salvador – BA)

Investimento:

  • 01 turno – R$ 170,00
  • 02 turnos – R$ 250,00

Para grupos a partir de 4 pessoas, ou para aqueles que se inscreverem até 15 de abril – desconto de 10%.