Notícias

SMED lança programa em parceria com a Avante em prol de uma Educação Infantil de qualidade

27/10/14 08:35 - Notícias

27 de outubro de 2014

SMED lança programa em parceria com a Avante em prol de uma Educação Infantil de qualidade“O PRODEI é uma iniciativa inovadora e será construído com a participação de todos os atores sociais ligados ao segmento da Educação Infantil”.  A afirmação é do Secretário Municipal da Educação de Salvador, Jorge Khoury, durante evento de lançamento do Programa de Desenvolvimento da Educação Infantil (PRODEI) lançado no ultimo dia 13 de outubro, no Bahia Othon Palace, em Salvador. O evento reuniu cerca de 300 gestores e coordenadores das escolas e dos Centros Municipais de Educação Infantil (CMEI) da Rede, além de representantes do Conselho Municipal de Educação (CME), da gestora institucional da Avante – Educação e Mobilização Social, parceira técnica da Secretaria Municipal de Educação (SMED) de Salvador na elaboração e execução do programa, e da equipe técnica da instituição dedicada à execução do projeto.

O Programa é voltado para a​ melhoria da qualidade do atendimento ​da​s crianças  matriculadas nos CMEI e escolas que ofertam educação infantil na Rede Municipal de Ensino de Salvador.  Ao​ ​apresentar o Programa, o secretário de educação lembrou que Salvador não possui uma história de investimentos neste segmento da educação e valorizou o trabalho e os esforços de todos os envolvidos. “A Educação Infantil é, sem sombra de dúvida, uma grande prioridade do nosso município ​tendo em vista a carência que Salvador tem em relação ao segmento. Nós, da Rede, somos responsáveis pela oferta de vagas públicas para crianças nesta faixa etária, por isso estamos fazendo um grande esforço para superar esta realidade, buscando uma estrutura adequada e um atendimento de qualidade”, disse o Secretário.

Para tanto, a SMED procurou estabelecer parcerias. “Buscamos a Avante por ser uma instituição local, que possui as informações, o conhecimento e é articulada com outros atores ligados à causa (Educação Infantil de qualidade) em diferentes partes do país”, destacou o secretário.  “Fomos atrás da Avante por ser uma instituição reconhecida, séria, que possui a expertise no trabalho ​. A Avante estuda e entende de Educação Infantil. Além disso, a instituição tem uma gestora que conhece bem a rede, pois já foi gestora desta rede”, disse a sub coordenadora de Educação Infantil e Inclusiva da Coordenador​i​a de Ensino e Apoio Pedagógico (CENAP – SMED), professora Luciene Santos, que apresentou o Programa por parte da secretaria. A professora destacou ainda o conhecimento da Avante sobre as comunidades pobres e carentes do município e sua crença em uma Educação Infantil pública de qualidade.

Luciene Santos explicou à plateia que o Programa possui linhas de atuação: elaboração de materiais e formação continuada de profissionais. Os materiais​ serão ​elaborados de forma colaborativa​ e para cumprir com este objetivo foi criado um Grupo de Trabalho (GT) permanente​,​ integrado por coordenadores regionais de educação, gestores, coordenadores pedagógicos ​e representantes das CREs. “É um Programa que trás no seu bojo o grande desejo de proporcionar para área de educação de Salvador uma política p​ú​blica discutida, dialogada, que escuta as crianças. “Nossas crianças, professores,​ ​coordenadores pedagógicos e gestores serão ouvidos”, disse.

“Este é um novo encontro entre a Avante e a rede municipal”, pontuou Maria Thereza Marcílio, gestora institucional da Avante, em sua fala de abertura no evento,​ referindo-se ao projeto de Estruturação de Modelo de Formação Continuada de Coordenadores Pedagógicos realizado em parceira com a SMED em 2012. “Por isso, além de celebrar o momento, gostaria de fazer uma convocação para estarmos juntos e alinhados na luta pelo direito dessas crianças por uma Educação Infantil de qualidade”, disse a gestora.

Maria Thereza lembrou que essa definição de qualidade é encontrada nos documentos brasileiros tomados como marcos legais da educação. “Mesmo o Brasil enfrentando ainda muitos desafios para colocar a teoria na prática, os documentos brasileiros são uma referência para diversos países que ainda não conseguiram, sequer, definir os caminhos para se chegar a uma educação de qualidade. E somos nós que podemos ​concretizar​ o que está no papel”, completa.

​Estiveram também no encontro, Mônica Samia, Rita Margarete e Fabiola Bastos, as duas primeiras são coordenadoras, enquanto Fabíola é consultora do projeto. M​ô​nica Samia explica que o Programa foi criado com o objetivo de contribuir para ​que ​a meta nº1 do PNE -​ de aumento da oferta, venha acompanhada pela melhoria da qualidade. “Este momento da Educação Infantil no país requer de todos os envolvidos muita atenção, para que as crianças tenham direito não somente a uma vaga, mas que esta possa lhe oferecer boas condições​ de desenvolvimento.”

O PRODEI terá duração de 24 meses. Nos 12 primeiros, a Avante, como parceira técnica, estará responsável pela elaboração dos materiais pedagógicos para crianças, professores, familiares e instituições que atendam à Educação Infantil na rede municipal. Na segunda etapa, a Avante realizará formação continuada dos profissionais que atuam no segmento​,​ com vistas à implementação, execução e monitoramento do Programa.