Notícias

Avante participa do III EREDS com projeto É Dia de Feira Solidária

05/08/14 09:52 - Notícias

5 de agosto de 2014

Avante participa do III EREDS com projeto É Dia de Feira SolidáriaA Avante – Educação e Mobilização Social compartilha a sistematização da experiência do projeto É Dia de Feira Solidária no III Encontro Regional de Engenharia e Desenvolvimento Social do Nordeste (EREDS). O evento acontece durante os dias 7, 8 e 9 de agosto na Escola Politécnica da UFBA.  “Submetemos o case do É Dia de Feira Solidária a ao processo seletivo do Encontro e ele foi aprovado por uma comissão técnica. Essa é uma oportunidade de levar o projeto para o ambiente acadêmico e estabelecer esse diálogo entre teoria e prática”, conta Fabiane Brazileiro, coordenadora da Linha de Formação para o Trabalho da instituição e do projeto É Dia de Feira Solidária.

O É Dia de Feira Solidária fomenta a formação de um empreendimento de economia solidária dentro da Feira de São Joaquim. Entre os seis cases do eixo temático Economia Solidária, o projeto é o único a ser apresentado em formato pôster (banner) e terá um representante da Avante presente no local para tirar possíveis duvidas do publico. Os demais serão apresentados em uma sala de aula, porque são no formato artigo.

A apresentação do É Dia de Feira Solidária acontece durante a tarde do segundo dia e dá início a uma partilha de experiências, visto que a Avante pretende compartilhar o case em outros eventos e periódicos que discutam a temática da Economia Solidária. “Apesar de ser um evento de engenharia, a Avante foi aprovada para participação pela importância que as ações de economia solidária têm para o desenvolvimento social”, explica Fabiane Brazileiro.

O EREDS

 O evento é fruto de uma iniciativa gestada no Núcleo de Solidariedade Técnica da Universidade Federal do Rio de Janeiro (SOLTEC/UFRJ). A primeira edição aconteceu em 2004, com o nome de Encontro de Engenharia e Desenvolvimento Social (EEDS). Esta primeira versão buscava promover discussões acerca de questões sociais aplicadas à engenharia, trazendo ao foco a importância da extensão universitária e de uma visão crítica de estudantes, docentes e profissionais da área.

No ano seguinte, o encontro ganhou o adjetivo de nacional, passando a se chamar Encontro Nacional de Engenharia e Desenvolvimento Social (ENEDS). Após sete edições do encontro nacional, a vontade de aprofundar localmente a experiência do ENEDS deu origem aos encontros regionais. O EREDS está sendo realizado pela primeira vez no Estado da Bahia.