Notícias

Avante em comemoração pelos 25 anos do ECA

09/07/15 08:41 - Notícias

9 de julho de 2015

Avante em comemoração pelos 25 anos do ECAEste ano o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA) completa 25 anos. Os movimentos sociais e cidadãos interessados em testemunhar a garantia de direitos desse público se mobilizam nas redes sociais e desenvolvem ações de mobilização nas ruas. A principal bandeira é o enfrentamento ao equivocado processo que desencadeou a aprovação da redução da maioridade penal na Câmara dos Deputados. A Avante – Educação e Mobilização Social faz coro com essas forças. E entre as ações desenvolvidas, a consultora associada Ana Oliva Marcilio escreveu um artigo: 25 anos de ECA, porque comemorar que foi publicado no Boletim especial da Rede Nacional Primeira Infância (RNPI) em comemoração aos 25 anos do ECA e no boletim da Abong – Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais, com este mesmo gancho.

O artigo ganhou repercussão ao extrapolar fronteiras e, juntamente com os demais artigos publicados no boletim da RNPI, será postado na revista Le Monde Diplomatique Brasil, por meio de uma parceria conquistada pela Rede da qual a Avante faz parte e já foi secretária executiva no biênio 2011 – 2012. Os artigos vêm sendo publicados no site da revista ao longo das semanas até o aniversário do Estatuto (13 de julho).

O perfil do Facebook do Le Monde Diplomatique tem mais de 150 mil curtidas e atinge um público diferente dos que é alcançado com as publicações nos site e perfis dos movimentos sociais. O que amplia a voz em prol da plena aplicabilidade do ECA e em defesa dos direito das crianças e dos adolescentes brasileiros.

Conheça o Le Monde Diplomatique 

Nascido em 1954 na França, Le Monde Diplomatique é publicado em 25 idiomas e tem uma tiragem de 2,4 milhões de exemplares. Tornou-se também uma referência mundial para indivíduos, movimentos e organizações que buscam transformações sociais e humanas e discutem alternativas ao status quo. Suas páginas trazem à luz questões altamente relevantes, muitas vezes negligenciadas pela grande imprensa, contribuindo para a crítica ao pensamento único e para a construção de novos paradigmas.

No Brasil, Le Monde Diplomatique surgiu em versão impressa em 2007 por iniciativa do Instituto Polis e de uma série de apoiadores que viam no original francês uma publicação fundamental para estimular o pensamento crítico, a reflexão e o debate de temas prementes da sociedade. A edição eletrônica teve início em 1999 e a partir de 2010 passa a também ser editada pelo Instituto Polis.

Com independência político-econômica, autonomia editorial e densidade analítica, Le Monde Diplomatique Brasil é uma publicação apartidária, pluralista e democrática, que busca ocupar um espaço que não foi até agora devidamente contemplado pelo jornalismo brasileiro.  Para orientar sua linha de atuação, o jornal criou um Conselho Editorial de renomados jornalistas e especialistas de diferentes áreas, buscando expressar múltiplos olhares sobre a conjuntura, estabelecer o contraditório, explicitar as diferenças e concordâncias em torno de uma agenda que procura aprofundar a democracia e a equidade no Brasil e no mundo.

A edição brasileira beneficia-se também de análises vindas de fora, não apenas da França como das demais edições do jornal. É importante ressaltar que não se trata de uma publicação noticiosa, voltada à cobertura dos fatos correntes, mas de uma publicação reflexiva, que busca identificar, para além dos fatos, os cenários maiores que lhes conferem sentido e inteligibilidade.

Leia o artigo na íntegra: 25 anos de ECA, porque comemorar.