Notícias

Avante colabora com estado de Goiás na qualidade do atendimento na Educação Infantil

13/03/18 11:08 - Notícias

13 de março de 2018

156 profissionais da Educação Infantil, de 53 secretarias municipais de Educação participantes do programa Goiás mais competitivo e inovador (GMCI), participaram, nos dias 21,22 e 23 de fevereiro da I Formação em serviço para os profissionais da Educação Infantil das secretarias municipais de Educação de Goiás. A formação, a ser realizada em duas etapas, promoveu, neste primeiro momento, uma discussão sobre os principais fundamentos de uma Educação Infantil de qualidade, a partir da lógica da infância, tendo como principais referências as Diretrizes Curriculares Nacionais para a Educação Infantil (2009) e a Base Nacional Comum Curricular (BNCC – 2017).

A segunda e última etapa será realizada esta semana, nos dias 14, 15 e 16 de março, quando a Avante retorna a Goiânia (GO) para um novo encontro, dando continuidade e aprofundando as discussões. Para Mônica Samia, consultora associada da instituição e coordenadora do projeto, a iniciativa da Secretaria de Educação de Goiás, de apoiar os municípios na qualificação das suas equipes técnicas, é estratégica. “Consideramos um bom exemplo para o país, porque é uma demonstração efetiva do regime de colaboração que deve acontecer entre os entes federados. O apoio da secretaria, por meio desta formação, foi muito reconhecido pelas equipes dos municípios”, disse, referindo-se à iniciativa do Estado que, ao identificar a fragilidade do atendimento na Educação Infantil, desenvolveu esta ação de apoio aos municípios. Os recursos para viabilização da iniciativa vieram de edital promovido pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD).

Mônica considera que a formação acontece em um momento muito importante, devido à chegada da nova Base Nacional Comum Curricular (BNCC). “É um apoio aos municípios na compreensão do documento, para planejar sua implementação de forma responsável”, ponderou. A Avante, por meio de sua frente de ação de formação de profissionais da Educação Infantil, militou e colaborou com as três versões da Base e vem desenvolvendo um trabalho de cooperação com as redes municipais ao disponibilizar materiais de apoio para compreensão e formação da temática. Além disso, Mônica Samia participou da equipe de consultores do Ministério da Educação (MEC) na elaboração de materiais orientadores para a implementação da Base. “Estamos comprometidas em colaborar para que a chegada da BNCC possa impactar de forma positiva na qualidade da Educação. Para isso, é preciso aprender a interpretá-la com criticidade, entender as responsabilidades da gestão municipal, além de saber fazer a relação com as práticas já instauradas. É a nossa colaboração junto aos municípios de Goiás neste projeto”, explica a consultora associada da Avante.

A formação

A abertura da primeira etapa das formações contou com a presença de autoridades como a secretária de Educação, Cultura e Esporte do estado de Goiás, representantes do PNUD, MEC e instituições ligadas à Educação e ao governo do Estado. A aula foi ministrada pelo Prof. Dr. Levindo Diniz Carvalho, professor adjunto na Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG), com o tema: Educação e desenvolvimento da criança na primeira infância, com vistas a provocar as primeiras reflexões e oferecer referências que endossam a lógica da infância, perspectiva teórico-metodológica adotada para nortear o processo formativo. O prof. Levindo compôs, neste evento, a equipe Avante, como convidado.

A formação foi realizada em quatro grupos, com a mediação da equipe Avante: Mônica Samia, Rita Margarete, Ana Oliva Marcílio e Lilian Galvão. A partir dos retornos dados pelas equipes presentes nos três dias de formação, a grupo de profissionais da Avante acredita que os integrantes deixaram o encontro compreendendo os desafios dos deslocamentos necessários e engajadas com esta tarefa. “O encontro me deu a oportunidade de repensar alguns conceitos, principalmente quando se trata do professor. Foi muito bom entender a lógica da infância num contexto de transição, e para saber onde realmente queremos chegar, para que as crianças possam ser o centro do processo”, disse Aline Regina dos Santos Novaes, coordenadora pedagógica do município de Goianésia.

Para Joyce Mesquita, coordenadora pedagógicas de Palmeira de Goiás, o encontro foi de grande relevância para a sua formação profissional. “Esta formação foi extremamente relevante para a minha formação profissional, pois adquiri inúmeros conhecimentos que me possibilitarão colaborar de maneira positiva para a melhoria da qualidade da Educação Infantil no meu município. Senti uma grande responsabilidade em despertar na gestão pública, na comunidade escolar e na família como de fato devemos agir em prol de uma Educação Infantil que realmente leve em consideração a lógica da criança, disse.

A equipe Avante destaca, no entanto, que a maioria das equipes locais relata a necessidade de mais apoio para a efetivação deste propósito, tendo em vista a distância entre esta concepção e as práticas.

Agora em março, a equipe Avante retorna a Goiânia para aprofundar as discussões, contando com a participação Maria Thereza Marcilio, presidente da instituição, que realizará uma palestra abordando os princípios pedagógicos e didáticos para a Educação Infantil.